SAERO

Sistema de Avaliação Educacional de Rondônia



-->

Seduc capacita educadores para utilização dos resultados do Saero

Professores de Matemática e Língua Portuguesa e Supervisores das escolas estaduais de Colorado do Oeste.

OFICINA SOBRE SISTEMA DE AVALIAÇÃO RONDONIENSE FOI REALIZADA EM VILHENA

Professores de Matemática e Língua Portuguesa e Supervisores das escolas estaduais de Colorado do Oeste, Cabixi, Chupinguaia e Vilhena participaram da Oficina de Apropriação dos Resultados do Saero (Sistema de Avaliação Educacional de Rondônia) realizada pela Seduc (Secretaria de Estado da Educação) na segunda e terça-feira, dias 11 e 12 de março, no auditório do Portinari Palace Hotel, em Vilhena.

Foram 16 horas de seminário com o tema “Avaliação em Larga Escala” e de análises pedagógicas dos resultados das provas aplicadas em novembro de 2012. Os especialistas em avaliação Hígor Pifano e Thiago Zagnoli, do CAEd (Centro de Políticas Públicas e Avaliação da Educação), órgão vinculado à Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF) conduziram a oficina.

Na abertura dos estudos em Vilhena, a coordenadora do Saero, Seila Regina Correa Bessa, disse que o novo sistema de avaliação orientará as políticas públicas para o setor educacional. “Por isso é necessário capacitar os educadores para a utilização dos resultados da avaliação no planejamento das ações seja das escolas, das Coordenadorias Regionais de Educação (CREs) ou das gerências da Seduc”, ressaltou.

Em sua fala, o coordenador da CRE de Vilhena, Edson Soares Nogueira, destacou que o primeiro item das sete metas estabelecidas pelo governador Confúcio Moura para a Educação era a implantação do sistema de avaliação rondoniense. “É uma meta cumprida com êxito”, considerou. “Sabemos que, no geral, os resultados, principalmente em Matemática, não foram bons. Mesmo assim, ficamos felizes pelos resultados parciais do Saero, porque as escolas sob a jurisdição da CRE de Vilhena ficaram entre os primeiros lugares na avaliação. Mas temos ciência de que ainda é preciso avançar muito no quesito qualidade do ensino.”

Nas reuniões com gestores escolares em todas as CREs, a secretária de Educação, Isabel Luz, tem destacado a implantação do Saero como uma das mais importantes ações inovadoras na área educacional de Rondônia. “Só obteremos melhores resultados se avaliarmos nosso ensino, se descobrirmos nossas deficiências e trabalharmos para saná-las. A partir do Saero passamos a ter uma ferramenta que apresenta a realidade do ensino ofertado nas escolas e nos dá elementos objetivos para traçar estratégias para a melhoria do ensino no Estado”, afirma.

A Oficina de Apropriação dos Resultados do Saero também foi ministrada para profissionais da Educação das CREs de Porto Velho, Ariquemes, Ji-Paraná, Cacoal e Rolim de Moura.

SAERO – Foi implantado no final do ano passado pelo Governo Confúcio Moura com o objetivo de fazer um diagnóstico do ensino público nas escolas da rede estadual e utilizar os resultados como propulsor de elevação da qualidade do ensino em Rondônia. A tecnologia de todo o sistema e análise dos dados é do Caed, que por meio de convênio com a Seduc fez a coleta dos informações através da aplicação de provas de proficiência em Língua Portuguesa e Matemática para 100 mil estudantes de 2º, 5º, 6º e 9º ano do Ensino Fundamental e ainda do 1º, 2º e 3º ano do Ensino Médio das 416 escolas estaduais.

Fonte: Página da Notícia


Postado em: 13 mar 2013
Tags: ,
Postado em Notícias |